A esposa do bispo Edir Macedo, Ester Bezerra, teria ordenado a demissão de jornalistas mulheres que trabalhavam para a TV Universal, emissora oficial da denominação neopentecostal.

A informação dos bastidores surgiu após uma série de demissões de jornalistas da emissora, e o relato de algumas delas de que teriam ouvido de pastores que a ordem teria vindo da “dama da fé”, como Ester é descrita no site oficial da Universal.

O jornalista Flávio Ricco, colunista do Uol especializado em TV, publicou nota comentando as demissões: “Na TV Universal, da Igreja Universal, dizem que a ordem de tirar todas as repórteres do vídeo, sem poder aparecer em passagens de matérias ou entrevistas, teria mesmo partido de dona Ester Macedo [sic], desde agosto passado. Muitas dessas repórteres, agora demitidas, chegam a dizer que isso foi informado a elas por pastores de nomes Ronald e Leandro”, escreveu.

Ainda segundo Ricco, o número de profissionais do sexo feminino demitidas chega a 12, o que é alto, considerando que a TV Universal é uma emissora de pequeno porte. “Bem esquisito”, comentou o jornalista.

Renato Parente, assessor de imprensa da Igreja Universal do Reino de Deus, enviou nota ao Uol informando que “as demissões em algumas praças – e contratação em outras – ocorridas no núcleo de TV da Universal, foram decorrência exclusivamente de decisão interna dos próprios responsáveis pelo departamento, com o único objetivo de adequar a mão de obra às necessidades de cada um dos programas produzidos” pela emissora oficial da denominação.

dama-da-fe-ester-bezerra

(GospelMais)

Compartilhar

Comentários

comentários